David Lee Roth

Notícia antiga. O Diamond está de volta ao Van Halen. A turnê ainda conta com novo baixista: Wolfgang Van Halen, filho de Edward Van Halen. Não estou animado com isso. Na verdade nem acho que vai ser o espetáculo que esperam, mas comercialmente é bom ao Van Halen. O que acho estranho que tanto o Van Halen quanto David Lee Roth em sua carreira solo, eram duas bandas maravilhosas. A banda de David contava com Steve Vai, Billie Sheehan e Gregg Bissonette, respectivamente na guitarra, baixo e bateria. Van Halen era então mundialmente famosa com "5150", tendo Sammy Hagar nos vocais, em substituição a David.
Os discos mais conhecidos, digamos assim, pois não encontrei em lugar algum para saber quais são os álbuns mais vendidos do Van Halen, são “1984” (1984), último com David, “5150” (1986) e “Balance” (1995) com Sammy. Sammy também explodiu com a música “Right Now”, sucesso de “For Unlawful Carnal Knowledge" (1991), cuja turnê gerou o primeiro álbum ao vivo do Van Halen. Depois de “Balance” a banda foi praticamente parando, tendo uma participação na trilha sonora do filme “Twister” (1996). Com a saída de Sammy, a entrada de Gary Cherone, lançando “Van Halen III” (1998), minha opinião um fracasso, e com a volta de Sammy em 2004, o Van Halen pouco produziu. Agora se espera tudo de David, que também, após a banda com Steve Vai, caiu numa total falta de novos rumos. Nessas horas que prefiro Sammy Hagar, com sua bandinha, fazendo um bom e velho “rock´n roll”, sem mais ter que se preocupar se vai vender ou não. Poucas bandas conseguiram fazer isso.

Comentários

Postagens mais visitadas