fevereiro 10, 2009

Series de televisão...

Tem momentos que acredito que dormir cedo é deixar de ver o melhor da televisão. Da americana, claro... A que vale a pena ver na televisão aberta. Depois do meu total desinteresse por produções nacionais, me detenho nas séries americanas dubladas. Um gosto duvidoso. Mas desde que não tenho mais o canal AXN tenho que me virar com o que tenho...

Sinto que a televisão brasileira precisa de um novo choque. A ultima série realmente interessante que assisti foi Capitu. E durou nada mais de 5 capítulos. E não consegui ver da forma que queria, não vejo a hora de lançarem em DVD para captar os detalhes. Claro, não posso falar de Maysa, já que nem sequer assisti a um capítulo. Mas ainda é pouco. Teve época que além de novelas bem feitas havia séries incríveis como A Casa das Sete Mulheres e seriados fantásticos como Os Normais. Gosto de A Grande Família, mas já estou um tanto saturado. Já não tenho grande paciência para assistir. Na verdade sempre tive um pouco de implicância com esta série, mas com o tempo fui gostando de detalhes. Mas hoje fico mais feliz assistindo Dr. House, CSI e até Monk, do que as séries e produtos nacionais. A Globo não consegue repetir o sucesso de Lost e trás uma série que me lembra Oz (que o SBT está reprisando... opa... esta eu assisti nos tempos de HBO). O detalhe é que não gosto de Lost... Nunca gostei. E 24 horas depois da segunda temporada não me interessava à mínima.

Nesse quesito a Record e o SBT tem se saído melhor. A Record poderia dizer que já tem até uma reputação. Lá passou Arquivo X, e o no ano passado tinha uma seleção para praticamente toda a semana, que mantém ainda hoje. Mas a madrugada do SBT é recheada de séries. Diria que os porteiros, as pessoas com insônia, e todo o bolo de gente tende a assistir o SBT madrugada adentro. Por exemplo, hoje, terça-feira, haverá a partir da 01h:45 Divisão Criminal, seguido de The O.C. e um seriado incrível chamado Estética (este exibido às 04h:00). Mas o meu predileto é Em Nome da Justiça, com a personagem de Annabeth Chase (Jannifer Finnigan – foto), uma assistente da promotoria do Estado de Indiana. Suas sombras marcantes sob seus olhos deixam qualquer um meio curioso sobre este seriado.

Bem, o que resta é por volta da meia-noite ficar de olho no que passa nestes canais. Algumas dicas: na Record todas as terças-feiras passa CSI: Miami, quintas-feiras Dr. House e às sextas-feiras CSI: Las Vegas. E para quem fica em casa no sábado á noite, à meia-noite, Monk... Outra série que torcia o nariz e que hoje dou mais risadas do que com as trapalhadas de Agostinho Carrara...

Nenhum comentário: